domingo, 30 de janeiro de 2011

Bíblia das Pedras


Bíblias das Pedras Volume I e II de Judy Hall

sábado, 29 de janeiro de 2011

......

Chega uma hora na vida em que você descobre:

Quem interessa,
Quem nunca interessou,
Quem não interessa mais...
E quem ainda vai interessar.

Portanto, não se preocupe com quem já fez parte do seu passado;
Há um motivo para não estarem no seu futuro.

AMOR INCONDICIONAL.

MINHAS AMADAS IRMÃS!!!

Lenda da descida da Deusa

Nos tempos antigos, nosso Senhor, o Cornudo, era (e ainda é) o Consolador, o Confortador. Mas os homens o conheciam como o terrível Senhor das Sombras, solitário, inflexível e justo. Mas nossa Senhora, a Deusa resolveria todos os mistérios, até mesmo o mistério da morte; e assim ela viajou ao Mundo Subterrâneo. O Guardião dos Portais a desafiou…

“…Tira tuas vestes, põe de lado tuas jóias, pois nada tu podes trazer contigo o interior desta nossa terra.”

Assim ela se despojou de suas vestes e de suas jóias, e foi amarrada, como todos os vivos que buscam ingressar nos domínios da Morte, a Poderosa, têm que ser.

Tal era a beleza dela, que a própria Morte se ajoelhou e depositou sua espada e coroa aos seus pés…

… e beijou seus pés, dizendo: “Abençoados sejam teus pés, que te trouxeram por estes caminhos. Permanece comigo, mas deixa que eu ponha minhas mãos frias sobre o teu coração.”

E ela respondeu: “Eu não te amo. Por que fazes todas as coisas que amo e nas quais me comprazo fenecerem e morrerem?”

“Senhora” – respondeu a Morte – “trata-se da idade e da fatalidade, contra as quais sou impotente. A idade, o envelhecimento, leva todas as coisas a definharem; mas, quando os homens morrem ao desfecho de seu tempo, concedo-lhes repouso, paz e força para que possam retornar. Mas tu, tua és linda. Não retornes, permanece comigo.” Mas ela respondeu: “Eu não te amo.”

E então disse a Morte: “Se não recebem minhas mãos sobre seu coração, tens que te curvar ao açoite da Morte.” “É a fatalidade, melhor assim…” – ela disse e se ajoelhou. E a Morte a açoitou brandamente.

E ela bradou: “Eu conheço as aflições do amor.”

E a Morte se ergueu e disse: “Sejas abençoada.” E lhe deu o beijo quíntuplo, dizendo: “Assim apenas pode atingir a alegria e o conhecimento.”

Então a Morte desamarra os seus pulsos, depositando o cordel no chão.

E ele a ela ensina todos os seus mistérios e lhe dá o colar que é o círculo do renascimento.

A Deusa, então, toma a coroa e a recoloca na cabeça do Senhor do Mundo Subterrâneo.

E ela ensina a ele o mistério da taça sagrada, que é o caldeirão do renascimento.

A Deusa toma o cálice em ambas as mãos, eles se entreolham, e ele coloca ambas as mãos nas dela.

Eles amaram e se tornaram um, pois há três grandes mistérios na vida do homem, e a magia os controla todos. Para realizar o amor, tendes que retornar novamente no mesmo tempo e no mesmo lugar daqueles que são os amados; e tendes que encontrá-los, conhecê-los, lembrá-los e amarrá-los de novo.

O Senhor do Mundo Subterrâneo solta as mãos da Deusa e esta recoloca o cálice no seu lugar. Ele toma o açoite em sua mão esquerda e a espada na sua mão direita e fica na posição do Deus, antebraços cruzados sobre o peito, espada e açoite apontados para cima. Ela fica na posição da Deusa, pernas escarranchadas e braços estendidos formando o pentagrama.

Mas para renascer tendes que morrer e ser preparado para um novo corpo. E para morrer tendes que nascer, e sem amor não podes nascer. E nossa Deusa sempre se inclina para o amor, e o júbilo, e a ventura; e ela protege e acaricia suas crianças ocultas na vida, e na morte ministra o caminho da comunhão com ela; e mesmo neste mundo ela lhes ensina o mistério do Círculo Mágico, que é disposto entre os mundos dos homens e dos Deuses.

Wicca!!!

As pessoas estão...

As pessoas estão perdidas
Perdidas em um mundo que criaram
E não conseguem escapar
As pessoas estão confusas
Confusas com sonhos que inventaram
E não conseguem concretizar
As pessoas estão sofrendo
Sofrendo por amores que inventaram
E não conseguem matar
As pessoas estão morrendo
Morrendo por uma vida que não têm
E não conseguem enxergar

REDEMPTIONG SONG

Para os justos, para os livres, para os bons...

video


Redemption Song

Old pirates, yes, they rob I,
Sold I to the merchant ships,
Minutes after they took I
From the bottom less pit
But my hand was made strong
By the hand of the Almighty
We forward in this generation
Triumphantly

Won't you help to sing,
These songs of freedom?
'Cause all I ever have:
Redemption songs,
Redemption songs!

Emancipate yourselves from mental slavery
None but ourselves can free our minds
Have no fear for atomic energy,
'Cause none of them can stop the time
How long shall they kill our prophets,
While we stand aside and look
Huh, some say it's just a part of it:
We've got to ful fill the Book

Won't you help to sing,
These songs of freedom?
'Cause all I ever have:
Redemption songs,
Redemption songs,
Redemption songs!

Emancipate yourselves from mental slavery
None but ourselves can free our mind
Oh, have no fear for atomic energy,
'Cause none of them-a can-a stop-a-the time
How long shall they kill our prophets,
While we stand aside and look?
Yes, some say it's just a part of it:
We've got to ful fill the Book

Won't you help to sing,
These songs of freedom?
'Cause all I ever had:
Redemption songs,
All I ever had:
Redemption songs!
These songs of freedom,
Songs of freedom!
_______________________________________________


Canção de Redenção

Velhos piratas, sim, eles me roubaram,
Me venderam para navios mercantes
Minutos depois deles terem me tirado
De um buraco menos profundo
Mas minha mão foi fortalecida,
Pela a mão do todo poderoso
Nós avançamos nessa geração
Triunfantemente!

Você não irá ajudar-me a cantar,
Essas canções de liberdade?
Porque tudo o que eu sempre tive são:
Canções de redenção
Canções de redenção

Liberte-se da escravidão mental,
Ninguém além de nós pode libertar nossas mentes
Não tenha medo da energia atômica,
Porque eles não podem parar o tempo
Por quanto tempo vão matar nossos profetas?
Enquanto nós permaneceremos de lado olhando
Huh, alguns dizem que é apenas uma parte disto
Nós temos que cumprir inteiramente o Livro

Você não irá ajudar-me a cantar,
Essas canções de liberdade?
Porque tudo o que eu sempre tive são:
Canções de redenção
Canções de redenção
Canções de redenção

Liberte-se da escravidão mental,
Ninguém além de você pode libertar sua mente
Não tenha medo da energia atômica,
Porque eles não podem parar o tempo
Por quanto tempo vão matar nossos profetas?
Enquanto nós permaneceremos de lado olhando
Huh, alguns dizem que é apenas uma parte disto
Nós temos que completar o Livro

Você não irá ajudar-me a cantar,
Essas canções de liberdade?
Porque tudo o que eu sempre tive são:
Canções de redenção
Porque tudo o que eu sempre tive são:
Canções de redenção
Essas canções de liberdade
Canções de liberdade

BOB MARLEY

"Em minhas alegrias e tristezas
Você se faz presente
Me ajudando e aconselhando...
E nunca me pediu nada em troca.
Lhe faço confissões que meus pais
jamais saberiam...
E sei que as levará consigo eternamente...
Essa intimidade atinge graus
que me faz "perder" amigos...
Mas ganhar irmãos...
Pro que der e vier..."

LET'S GET TOGETHER
AND FELL ALL RIGHT

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

...

As oportunidades nunca são perdidas...
Pois alguém sempre vai aproveitar as que você perdeu..

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Vídeo Elucidante

Já coloquei a letra e a tradução desta música aqui, e agora postarei o vídeo.




video

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Frase da minha prima Jussara.

Às vezes é bom pararmos e nos lembrarmos das coisas boas que vivemos, e revivê-las.

Letra interessante.

Devia ter amado mais
Ter chorado mais
Ter visto o sol nascer
Devia ter arriscado mais
E até errado mais
Ter feito o que eu queria fazer...

Queria ter aceitado
As pessoas como elas são
Cada um sabe a alegria
E a dor que traz no coração...

O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar...

Devia ter complicado menos
Trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr
Devia ter me importado menos
Com problemas pequenos
Ter morrido de amor...

Queria ter aceitado
A vida como ela é
A cada um cabe alegrias
E a tristeza que vier...

O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar...(2x)

Devia ter complicado menos
Trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr...

domingo, 23 de janeiro de 2011

CLARICE.,....

"Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato...
Ou toca, ou não toca."

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Demônios.

O ser humano tem seus próprios demônios
Internos, externos, sofridos, amáveis
Adoráveis até
Quando se consegue vencer um demônio
Aparece sempre outro
O ruim, é quando as pessoas os trazem de volta
Deus, levei tanto tempo pra aprender
Pra aprender como derrotá-los
Tanta força gasta em vão
Como um tsunami, tudo vem à tona
Todos os anos que se passaram
Se acumulam em um único dia
E me sufocam
Sei o que devo fazer
Cair e levantar
Mas é tão cansativo
Meu coração anda tão cansado de lutar
Queria apenas poder parar
Poder fechar meus olhos pra tudo isso
Querer parar de sofrer por coisas passadas
Eu, que osu tão espiritualizado
Que sinto e ouço e vejo tantos e tantas coisas
De nada me adianta meu conhecimento
As cicatrizes não param de aumentar
E as pessoas insistem em cutucá-las
Pra que meu Deus?

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Renato Russo

"...digam o que disserem, o mal do século é a solidão,
cada um de nós imerso em sua própria arrogância
esperando por um pouco de atenção..."

...p-

Tento olhar as pessoas
E enxergá-las como realmente são
Tento, falar palavras bonitas
Mas com sentido carregar a emoção
Penso que luto como louco
Pra chegar até algum lugar
Onde possa entender
O porque das pessoas agirem de tal forma
Pra que tanta crueldade?
Pra que tanta impaciência?
Onde foi parar o ágape amor?
Onde foi que chegamos, e para onde estamos indo?
Desse jeito haverá perguntas demais
E respotas de menos, e vãs e falhas
Chega de insistir no erro
É hora de mudarmos
Não olhar pra trás
Seguir em frente, de peito aberto
"Pai", olhai por seus filhos burros e tolos
De que adianta tantos erros
Se não há aprendizado nos mesmos?
Não podemos mais derramar lágrimas de sangue
Não podemos mais manchar a história de desgraças
Temos o futuro pela frente, ou melhor, tínhamos.
Mas, bobo que sou eu.
Ainda tento enxergar a alma das pessoas
E ver o que realmente importa
E puxo para mim esse erro
Não culpando o próximo
Digerindo todo ódio e toda mesquinhez
"Pai", dai-me forças
Pois sei que não estou errado
Quem sabe um dia eu possa me redimir
E parar essa busca incessante
Pelo coração humano

Legião Urbana

É tão estranho
Os bons morrem jovens
Assim parece ser
Quando me lembro de você
Que acabou indo embora
Cedo demais

Quando eu lhe dizia
Me apaixono todo dia
É sempre a pessoa errada
Você sorriu e disse
Eu gosto de você também
Só que você foi embora...
Cedo demais!

Eu continuo aqui
Meu trabalho e meus amigos
E me lembro de você
Em dias assim
Dia de chuva
Dia de sol
E o que sinto não sei dizer...

Vai com os anjos
Vai em paz
Era assim todo dia de tarde
A descoberta da amizade
Até a próxima vez...

É tão estranho
Os bons morrem antes
Me lembro de você
E de tanta gente que se foi
Cedo demais!
E cedo demais...

Eu aprendi a ter
Tudo o que sempre quis
Só não aprendi a perder
E eu que tive um começo feliz...
Do resto não sei dizer

Lembro das tardes que passamos juntos
Não é sempre mais eu sei
Que você está bem agora
Só que neste mundo
O verão acabou.

Cedo demais!

Ter Fé!!!

Deus é onipotente e onisciente
Tudo vê e tudo sabe
Quem controla as vidas dos seres humanos?
Será "Ele"?
Quem pode decidir quem vive ou quem morre?
Quem, senão "Ele" tem esse poder?!
A vida às vezes nos parece tão injusta
Pra que o sofrimento? Pra que a dor?
Por que pessoas adoecem e sofrem tanto antes da partida?
Não seria mais fácil apenas... partir?!
Deus é onipotente onisciente
Ele sabe tudo
Detêm todas as respostas
Decide quem vive ou não
Quem merece ou não
Quem pode, ou não
A verdade, é que ao escrever um texto assim
Constato que preciso renovar minha fé
Pois ter fé
É jamais ter pleno conhecimento dos planos de Deus.