terça-feira, 30 de junho de 2009

Again....

Já coloquei essa frase aqui, mas parece que as pessoas esqueceram do sentido dela.


NÃO PRECISO DE AMIGO QUE MUDE QUANDO EU MUDO;QUE CONCORDE QUANDO EU CONCORDO....MINHA SOMBRA FAZ ISSO MUITO BEM!!!

E aí, tem certeza de ter amigos?

Vídeo Legalzinho......

Hoje vou colocar aqui a cena de um filme do qual não me lembro nome, mas sei que é muito bom, essa cena então é foda, a atriz Cameron Diaz recita uma poesia de E.E. Commings.
Bem, é legal, assistam.





video



Eu carrego o seu coração

∙•∙ Carrego seu coração E. E. Cummings ∙•∙

Eu carrego o seu coração comigo
(eu carrego no meu coração).
Eu nunca estou sem ele.
Onde quer que eu vá, você vai, minha querida.
E o que quer que eu faça sozinho, foi você, minha querida.
Eu não temo o destino, porque você é o meu destino, minha doçura.
Eu não quero o mundo, por mais belo que seja,
porque você é o meu mundo, minha verdade.
Este é o maior dos segredos que ninguém sabe.
Você é a raiz da raiz, e o botão do botão,
e o céu do céu de uma árvore chamada vida;
que cresce mais alto do que a alma pode esperar, ou a mente esconder.
Este é o milagre que distancia as estrelas.
Eu carrego seu coração (carrego no meu coração).

segunda-feira, 29 de junho de 2009

***********--*************

"Se você não conhece nem suas fraquezas,como poderá conhecer o tamanho de sua força".

(Arthur Francisco)

sábado, 27 de junho de 2009

Descontração!!!

Super Fantástico

A Turma Do Balão Mágico
Composição: Ignacio Ballesteros/Difelisatti/Edgard Poças


Super fantástico amigo!
Que bom estar contigo
No nosso balão!
Vamos voar novamente
Cantar alegremente
Mais uma canção
Tantas crianças já sabem
Que todas elas cabem
No nosso balão
Até quem tem mais idade
Mas tem felicidade
No seu coração

Sou feliz, por isso estou aqui
Também quero viajar nesse balão!
Super fantástico!
No Balão Mágico,
O mundo fica bem mais divertido!
Sou feliz, por isso estou aqui
Também quero viajar nesse balão!

Superfantásticamente!
As músicas são asas da imaginação
É como a flor e a semente
Cantar que faz a gente
Viver a emoção
Vamos fazer a cidade
Virar felicidade
Com nossa canção
Vamos fazer essa gente
Voar alegremente
No nosso balão!

Sou feliz, por isso estou aqui
Também quero viajar nesse balão!
Super fantástico!
No Balão Mágico!
O mundo fica bem mais divertido!

Renovação da Fé

Ando sentindo umas coisas estranhas
Algumas boas, mas as maioria não sei descrever mesmo.
Me pego pensando em pessoas que já não mais existem em meu mundo
Sonhos revoltos de situações cotidianas, tão saudosas.
Às vezes me pego imaginando o que dizer para fulano ou siclano.
Aí vejo que realmente preciso renovar minha fé
Agora, que as coisas todas estão indo para seus respctivos lugares.
Agora, que estou conseguindo me reeguer, seguir em frente e criar.
Agora, que estou conseguindo tudo que almejava há dias atrás.
Ainda sim, falta algo.
Sempre, aliás, graças a Deus.
Mas, mesmo assim, que estranha sensação essa.
Quando percebo já fiz bobagem
Quando me dou conta, já fui grosseiro.
Sem querer, me corto e sangro.
Mas tudo bem, pra isso existe curativos rsrsrs...
Ah, sei lá, estou meio nostálgico.
Talvez porque vá ficar sozinho novamente
Talvez porque apenas estou carente
Há uma porção de "talvez" para explicar
Mas existem coisas que não precisam de explicação
O que me faz continuar
Minha fonte de força
É a mesma fonte de que se alimentaram os Santos
Por isso não tenho medo de errar
E se por ventura isso vier a acontecer
Tudo bem, estou aqui para evoluir.
E essa chance, não desperdiçarei.

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Só um pensamento.......

Muitas coisas me irritam
Por exemplo
Ouvir ou ler pessoas dizendo coisas que não têm idéia
Como alguém pode falar sobre algo que não conhece
E pior, difamar tal coisa.
É impressionante e incrivelmente triste
Mas o mundo é isso, feito de alusões.
E o mais triste, mesmo, absolutamente ridículo.
É saber que essas mesmas pessoas falam e escrevem tais coisas
Sabendo da inverdade "delas" rsrsrsrsrsrs............
Como eu sempre digo, a farsa é excelente, mas ainda sim, é uma farsa.

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Memórias Maternas

Bom pessoal, hoje estava aqui em casa assistindo a um filme da Sessão da Tarde, e no final do filme a atriz disse uma frase, que pareceu a mim que era minha falecida mãe falando.
Aí fiquei meio na "bad" e tals, peguei o livro de poesias dela, um relicário; e resolvi ir colocando algumas aqui.
Começarei reproduzinho tal e qual, até mesmo as vírgulas e a falta delas etc., a primeira poesia do livro, espero que curtam.


"OS VERSOS QUE TE DOU..."

Ouve êstes versos que te dou, eu os fiz
hoje, pois sinto o coração contente,
enquanto o teu amor for meu sòmente,
eu farei versos, e serei feliz.
Hei de fazê-los pela vida afora,
versos de sonhos e amor, depois hei
de relembrar o passado de nós dois,
êsse passado que começa agora.
Êstes versos repletos de ternura,
são versos meus, mas que são teus também
Sòzinho, hás de escutá-los sem ninguém
que possa perturbar nossa ventura.
Quando o tempo branquear os teus cabelos
vais um dia, mais tarde, revivê-los
nas lembranças que a vida não desfez.
E ao lê-los, com saudade, em tua dor
hás de rever, chorando o nosso amor...
e hás de lembrar, também, de quem os fêz
Se nesse tempo eu já tiver partido,
e outros versos quiseres - teu pedido
deixa ao lado da cruz para onde eu vou
Quando lá, novamente, então, tu fôres,
podes colher do chão todas as flôres
pois são versos de amor que ainda te dou.

(Helena Ornellas da Silva 1.973)